Quando nos tornamos pessoas “maduras” iniciamos nossos projetos de vida e profissionais com um tempo estabelecido para que os mesmos produzam frutos.
Montamos e desmontamos bandas, iniciamos e terminamos relacionamentos, migramos de trabalho, de carreira e por ai vai.
O que é iniciado precisa ter um tempo para produzir os frutos que acreditamos que sejam pertinentes. Quanto a isso esta quase tudo certo, mas…
Projetos precisam dar frutos, mas precisamos ter cuidado para que o resultado final não seja maior do que o gosto pelo processo.
Também precisamos ter cuidado para que a nossa linha limítrofe não seja curta demais. A maioria tende a desistir próxima do ponto da virada.
Algumas vezes precisamos nos comportar como crianças que fazem algo apenas pelo prazer de fazer, sem estar esperando um retorno financeiro ou de reconhecimento daquilo que fazem.
Grandes coisas acontecem porque existe uma paixão incessante pelo projeto e força suficiente para ser imparável.
Paredes, tetos e negativas vão existir para todos, mas poucos são aqueles que se agarrarão de forma apaixonada e estarão dispostos a caminhar enquanto não vem uma linha de chegada.
Se existe paixão, verdade, esmero e empenho uma hora vai acontecer e vai acontecer de verdade. Continue firme no propósito.
Visite nossa escola virtual de música: www.StarlingAcademyofMusic.com.br

zakk.

0